Sexta, 27 de Maio de 2022
24°

Poucas nuvens

São Bernardo do Campo - SP

Colunistas Dia Delas!!!

Dia desses ao acordar, fiquei relembrando o sonho da noite anterior

08/03/2022 às 01h53
Por: Redação
Compartilhe:
Dia desses ao acordar, fiquei relembrando o sonho da noite anterior

 

Curtas do DAL

Eu sonhava estar em uma enorme festa com muita gente e muito barulho mas, eu não estava bem, me sentia triste, amargurado um tanto introspectivo mas, fiquei por lá. Em certo momento, avistei por cima da escadaria do salão onde ocorria o evento, uma luz, clara, brilhante e intensa que vinha na minha direção, dela emanava uma voz familiar dizendo em italiano: “vieni , vieni vicino da me, vieni mio nipote ". Intrigado e com certa "paura" fui me aproximando e a luz foi tomando forma até que me apareceu, linda e radiante minha doce e querida nonna Ada. Seus olhos azuis refletiam a luminosidade que emanava dela própria. Por um momento todo barulho cessou e eu fui envolvido em um abraço fraterno e delicioso de paz.

Fiquei assim por alguns instantes e me percebi falando sobre as situações conflitantes da vida, da saudade de todos que partiram e, com a serenidade do colo da minha nonna, foi aí que despertei. Uma sensação de leveza e segurança invadiram meu corpo e, lembrando que estamos no mês de março, me pus a pensar na força e determinação das minhas nonnas e de todas as mulheres. O que seria de nós homens e de nossos imigrantes sem essa garra, o que eles fariam sem as mammas e as nonnas  que se desdobravam para manter a família em meio as turbulências da imigração, da fome e das guerras. Eu, pai de dois filhos, imaginei a força e a dor de uma mulher que por amor, se despediu para sempre do filho ao mandá-lo com apenas 16 anos para uma terra “lontana", temendo que ele  ingressasse nas fileiras do exercito fascista com já havia feito o outro filho. Pois é isso que fez minha bisavó Adele Pieroni Bechelli, com meu nonno e seu filho Alfredo Bechelli.

É tanta força desse sexo frágil, tanta determinação e amor que faz me sentir pequeno, apesar dos meus 1,83 de altura.

Por essa admiração e respeito é que agradeço "a tutti Le done" e parabenizo por esse 08 de março... 

Adalberto Guazzelli

Salute

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Adalberto Guazzelli
Adalberto Guazzelli
Sobre Adalberto Guazzelli, São Bernardense, trabalha desde os 15 anos e, aos 23, com o falecimento de seu pai, assumiu o negócio da família. É comerciante, coordenador há 20 anos da Festa de San Bartolomeo, produtor artesanal de vinho, secretário de Cultura e Juventude de São Bernardo e colunista há mais de 20 anos do Jornal LEIASB. Tutti Buona Gente
São Bernardo do Campo - SP Atualizado às 14h47 - Fonte: ClimaTempo
24°
Poucas nuvens

Mín. 13° Máx. 24°

Sáb 25°C 13°C
Dom 26°C 14°C
Seg 23°C 16°C
Ter 19°C 15°C
Qua 22°C 15°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Anúncio
Anúncio
Anúncio