Sábado, 18 de Setembro de 2021 17:20
(11) 99734-5699
Dólar comercial R$ 5,29 0%
Euro R$ 6,2 0%
Peso Argentino R$ 0,05 -0.092%
Bitcoin R$ 266.607,27 +2.269%
Bovespa 111.439,37 pontos -2.07%
Economia Conta de Luz alta

Consórcio ABC recebe Enel e debate propostas para solucionar alta de reclamações

Reunião ocorreu sexta-feira (20/8) na sede da entidade regional

24/08/2021 02h16
Por: Redação
Consórcio ABC recebe Enel e debate propostas para solucionar alta de reclamações

O Consórcio Intermunicipal Grande ABC recebeu, nesta sexta-feira (20/8), representantes da concessionária de energia Enel para discutir propostas para solucionar o aumento das reclamações dos consumidores das sete cidades.

Durante o encontro, ficou definido que a entidade regional, por meio do Procon Consórcio ABC e com apoio da Fundação Procon-SP, enviará um ofício relacionando propostas para solução dos problemas mais frequentes decorrentes da pandemia. A empresa terá dez dias para enviar a resposta.

Participaram da reunião o secretário-executivo do Consórcio ABC, Acacio Miranda, o diretor de Programas e Projetos da entidade, José Carlos Orosco Roman, o diretor Relações Institucionais do Procon-SP, João Bôrro, e representantes do Procon Consórcio ABC e dos Procons Municipais.

Representaram a Enel o diretor de Mercado em São Paulo, André Oswaldo dos Santos, e e a chefe da Ouvidoria da empresa, Carla Santos.

Levantamento dos Procons Municipais apontou o aumento, desde o ano passado, de cobranças muito acima das usuais, cortes e negativações com protesto de valores reclamados em cartório, entre outros.

O secretário-executivo do Consórcio ABC ressaltou que o objetivo da entidade regional é solucionar problemas comuns nas sete cidades.

"Nós propusemos este diálogo com a Enel para buscarmos uma solução em conjunto para o que é mais importante, o interesse do consumidor", afirmou Acacio Miranda.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.