São Bernardo do Campo, 23 de Outubro de 2018
Ainda há remédio
A+ A-
21/12/2012
Mais uma vez cumprimos uma etapa desta grande jornada chamada vida. Nesta época em que reina o Espírito do Natal, espero que estejamos reunidos em Fraternidade e Harmonia com Cristo no coração.
Que o magnetismo desta histórica data seja a mola propulsora para novas realizações no ano que se avizinha.
Como bons brasileiros não temos perdido, nunca a esperança de dias melhores. Se 2012 não foi satisfatório aos anseios da população devido aos contratempos na economia nacional, em outra vertente podemos destacar em letras garrafais que a moralidade pública avança com o histórico julgamento do maior caso de corrupção da história do país pelo STF, demonstrando que os dias de impunidade estão contados. Uma vitória que fortalece ainda mais nossas instituições e consequentemente as bases de nossa, ainda, jovem democracia. Assim, como médico cardiologista acredito que a Nação tenha remédio porque pulsa um forte coração, que em momentos decisivos pulsa mais e mais, apontado um novo caminho.
Feita essa análise, desejo que em 2013 estejamos irmanados pela solidariedade, pela paz, em uma grande corrente de pessoas do bem e de bem, dispostas a lutarem por boas causas.
Desejo a cada cidadão um Feliz e Santo Natal, com Cristo no coração e o especial pedido para que nunca percamos esse sentimento de indignação.
Tenham a absoluta certeza de que em 2013 continuaremos, como em todos esses anos juntos, lutando, com orgulho, por uma sociedade cada vez melhor!



IMPRIMIR ESTA PÁGINA ENVIE PARA UM AMIGO COMENTAR ESTE TEXTO

Comentários: Não há comentários para esta matéria. Seja o primeiro!
Mais deste colunista: > A dimensão do mal que o crack causa

Desenvolvido por Orion Public